Entrevistei "João Pedro Martins" de Piauí


Então meus caros esta é a minha primeira entrevista, no decorrer do tempo vou entrevistando, se você quer ser entrevistado por mim deixe seu recado, e logo formularei as perguntas para ti. A minha intenção em estar entrevistando essas pessoinhas que aqui me visitam é de abrir um espaço para você, podendo até expor seus trabalhos, e havendo uma ligação mais continua entre nós e os meus Leitores, algo inovador...
Este meu amigo João, que eu conheci via Twitter, de 16 anos, do Estado de Piauí/Brasil no qual foi muito atencioso em participar em meu Blog...

Meu caro João me fale sobre você de suas características...
Tenho 1,67 m, peso 56 kg, estudante de suporte e manutenção em informática, sou muito caseiro, gosto de música eletrônica com volume excessivamente alto, gosto muito de fazer vários tipos de loucuras no qual poucos têm a noção do que eu costumo inventar.
Quais são seus Objetivos neste momento, para o hoje?
Ficar em casa, descansando, na santa paz.
E seus Objetivos para o futuro?
Ter uma vida social estável, cheia de diversões com os meus pais e amigos.
Qual foi o tipo de criação familiar que você constituiu?
Filho único, sem o mínimo de juízo e moro com meus pais, que são muito bem casados e estão juntos.
Alguma característica você adquiriu de seus pais?...
Nenhuma tenho uma personalidade própria e não modificável, rsrsrsr.
Alguma lição você aprendeu com eles?
Todas as lições de moral eu aprendi foi com a vida.
Diga-me uma frase ao qual eles te dizem com freqüência e que vai servir para você dizê-la ao seu filho futuramente?
 Meu filho você é louco.
Está namorando? O que procura em uma garota?
 Não, procuro em uma garota fidelidade, uma personalidade forte de simpatia, loucura, amor e que ela seja atenciosa (vou morrer procurando pelo visto).
Uma frase sobre o amor, se apaixonar em sua visão?
O amor não escolhe idade, sexo, muito menos beleza, por isso se você ama alguém e se você é amado por esse alguém lute mesmo sem forças por esse amor.
Já passou por alguma cilada no amor?
Graças a Deus não.
Algo que te deixou boas lembranças?
 Minha infância.
No que você acredita religiosamente?
Eu ainda sou muito confuso a respeito desse assunto. Pois, como todo católico, acredito na crença de um Deus supremo, mas às vezes me pergunto se ele é realmente real.
Seus pais falam sobre religião?
Muito raro. Isso é com maior frequência, aliás, com muito freqüentemente pela minha avó e meus tios.
Você já passou por algum momento complicado entre pai e filho?
Várias vezes, tantas que já perdi até a conta.
Amigos... Têm muitos? E o que eles representam a você?
Não muitos, pois gosto de selecioná-los a dedo, e planto com maior carinho essas amizades para que eu possa cultivá-las futuramente.
Algum amigo distante? Deixe uma dedicatória para ele (a)?
Sinto saudades de todas as nossas loucuras, gostaria que me dessem pelo menos um “Oi, quanto tempo???...” mas é muito difícil falar com eles
Você é daqueles jovens responsáveis e organizados?
 Não, muito pelo contrário se não fosse pela minha mãe eu não sei o que seria de mim.
Fale sobre resultados que tenha alcançado e que tenham lhe dado grande satisfação?
A amizade com meus pais e a credibilidade que eles me dão.
Quais são suas qualidades e defeitos?
A minha qualidade é a atenção e preocupação em excesso até com os meus inimigos, eu acho. Já os defeitos, se eu for falar de pelo menos um terço deles você morrerá lendo.
O que mais te incomoda?
A falsidade das pessoas.
O que você considera importante num colaborador perante a sociedade?
 Não, pois eu sou apenas um observador interativo.
Descreva um típico dia rotineiro?
Passar o dia na escola com muitas pessoas chatas, pela noite gosto de sair com os meus pais, visitar os meus tios, amigos, e a minha avó.
Que tipo de decisões é mais difícil para você?
Dizer não quando meus amigos me pedem um favor, mesmo quando eu tenho aquela preguiça que atinge até na alma
Se pudesse mudar algo em sua vida, sabe voltar atrás e concertar, o que mudaria?
Procuraria não cometer os mesmos erros no qual cometera no passado.
Qual ambiente te deixa mais confortável?
 Meu quarto.
Você já cantou no chuveiro?
 Perdi até a conta do incessante número de vezes que canto quando os meus pais não têm ninguém em casa além de mim.
Algum mico inusitado que tenhas passado?
Constantemente passo por micos
Comida preferida?
Lasanha
Livro, Filme, Programa, preferido?
Qualquer um que tenha atos cômicos no meio ou personagens com situações no qual eu me identifico.
Passe-me um Link do You Tube que você se identifica?
Conte-me de sua cultura, do que mais gosta em sua cidade, de algo imperdível aos turistas?
 Da Batalha do Jenipapo, que muitos não conhecem e por isso não dão o devido valor, pois graças a ela o Nordeste não pertence a Portugal.

Você tem mania de algo?
Ás vezes dar risadas à toa, eu gosto de brigar com as coisas (meus pais pensam que eu falo sozinho).
E medo de alguma coisa, você tem?
Só de virar um fracassado, um peso na sociedade.
10 maneiras de se irritar alguém?
 Eu uso apenas uma: Falar besteiras demais
Suas Top 10 músicas que mais ouve?
Varia muito com o meu estado emocional, não tenho uma música definida para ouvir a toda hora, vem a primeira que me passar na cabeça.
Profissionalmente o que pretende ser?
Engenheiro Social, Médico, Fisioterapeuta ou Advogado.
O que achou do meu Blog, de mim? Algo a acrescentar?
Gostei. Você tem cultura, gosto e personalidade animadora, além de muita organização.
O que mais você gostou neste Blog?
As pastas de humor, as curiosidades sobre os mais diversos assuntos como livros, clipes das mais diversas emoções e assuntos polêmicos.
Enfim deixe aqui uma dedicatória as suas pessoinhas especiais...
Que vocês todos tomem cuidado com as decisões mais importantes e procurem algo para dar boas risadas nas horas mais difíceis.
Foi muito bom te conhecer, espero que meus Leitores curtam esta entrevista, e que tenha um Ano Novo cheio de paz e alegrias! Meu querido você arrasou!!! E me acrescentou como pessoa.

1 comentários:

Dorival disse...

Olá, tudo bem? Eu quero dizer, que gostei da entrevista e quero ser o próximo entrevistado. Obrigado!!!

Postar um comentário